top of page
  • Foto do escritordrafernandacalil

Síndrome do Anticorpo Antifosfolípide e gestação

Pacientes com Síndrome do Anticorpo Antifosfolípide (SAF) apresentam maiores chances de desenvolver complicações como:


Aborto de repetição;

Parto prematuro;

Pré-eclampsia/eclampsia;

Insuficiência placentária;

Restrição de crescimento intrauterino;

Trombose na gestação ou no puerpério.


O primeiro passo é passar por uma avaliação médica que confirme o diagnóstico de SAF na gravidez. Anticoagulantes e ácido acetilsalicílico são tratamentos que ajudam no caso de uma nova gravidez.


A gravidez em pacientes com SAF é considerada de alto risco, e o acompanhamento pré-natal deve ser realizado com o obstetra especializado e a reumato.


Posso te ajudar?



4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page