top of page
  • Foto do escritordrafernandacalil

A dor crônica não mata, mas maltrata

A dor crônica interfere em diversos campos da vida do paciente, prejudicando o sono, o desempenho no trabalho, a movimentação, provoca alterações no humor, na capacidade de concentração e até nas relações com outras pessoas.


Além disso, a dor representa uma ameaça iminente ao bem-estar, o que pode gerar reações como ansiedade, medo, raiva, culpa, frustração e depressão. Tudo isso pode gerar mais pessimismo, desesperança e interferir na postura positiva com relação ao tratamento.


O principal objetivo do tratamento é reduzir a dor e aumentar a mobilidade. As práticas que são realizadas para o controle da dor dependem dos sintomas e das condições de saúde que o paciente também apresente.

A dor crônica não mata, mas maltrata! Não espere para tratar e ter mais qualidade de vida e bem-estar.


Você sofre com alguma dor crônica? Posso te ajudar?



5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page